Trífida Celeridade

Posted: 31 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , , ,
1


Escrever tem se tornado o mais doce fardo imensurável,
Em constante dor ao expelir como alívio da sã insanidade,
E de um amargo prazer simplesmente insuportável.

Trífido Ensejo

Posted: 30 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
1

Quando o sol se foi, senti como se todo o resto fosse junto...
Das trevas o frio congelou sentimentos, sonhos e desejos.
Não mais abraços ou beijos... Astros em pedaços de defunto.

Trífida $orte

Posted: 26 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0


É uma pena a ignorância não deixar ver a cegueira da justiça.
Pois ainda clamam serem a favor de pena de morte
Só não vêem que a aplicação da lei depende de guias de cobiça.

Trífida Democracia

Posted: 24 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0

Não há maior farsa numa dita(democrática)dura,
Que a obrigatoriedade de votação em tanta hipocrisia,
Não basta de nós roubarem a livre arte, querem nossa moldura.











VOTO NULO!

Trífida Vendeta

Posted: 21 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
1

Se você pensa que catástrofes, doenças, vírus e bactérias,
Não são culpa da humanidade em relação ao planeta,
Saiba que a terra é um organismo tentando curar esse câncer de misérias!

Trífida Peleja

Posted: 20 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: ,
0


A possibilidade de miséria é a constante nas opções vitais,
Não vale a pena carregar o fardo de ser o que não se almeja,
Simplesmente para ostentar para outros títulos tais!

Trífido Poder

Posted: 19 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0

Fácil como viver, a paixão não pede permissão,
Ser está além de simplesmente desejar e querer,
Moldar a realidade é mais do que crer! É convicção!

Trífida Essência

Posted: 18 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: ,
0



Querem que se ame um órgão mais do que o próprio amor,
Querem que a reprodução seja a finalidade da existência...
Querem, mas não podem ignorar que o real sentimento não é passivo de valor.

Trífido Sepulcral

Posted: 17 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0

Nas mãos do destino, a vida escolhe sua passagem,
A coincidência cria acidentes para perpetuar a anestesia mental.
No mais o humano não passa de mais uma social e falsa imagem.

Trífido Nexo

Posted: 16 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0


Quando se vale a pena lutar por algo que realmente crê?
Então extrapole todo o excesso do íntimo reflexo,
Para ter a certeza que não se acredita, sem saber por que.

Trífida Vingança

Posted: 14 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0

Por mais que tentem se arrepender da devastação,
Não há como vomitar para terra tanta matança,
Só seu corpo pagará a pestilência de sua alimentação!

Trífida Procura

Posted: 13 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0


Se seu conceito quanto buscar algo com real vontade,
Compara-se ao conceito social do que é loucura,
Porque não admitir finalmente tal celeridade?

Trífido Caminho

Posted: 12 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0

Lá, do lado de onde nunca o ninguém esteve com vizinho...
Perto do fim que não teve início em noites de raive e vinho,
Não é paraíso nem inferno, e sim o hospício de ser sozinho.

Trífida Moralidade

Posted: 11 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0


Esquecer dos limites e barreiras sociais de moral,
Não te fazem um desmemoriado perante a realidade,
Fazem-te além de sociedade um DeMente potencial.

Trífido Semi Extinto

Posted: 10 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0

Há a completa certeza que dia algum,
A loucura há de tomar de volta seu merecido recinto,
Como não razão invés de ser insulto trivialmente comum.

Trífido Tormento

Posted: 9 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0


A culpa da prisão no castelo solitário,
É de quem fez sentir o mais completo sentimento,
Desde então, não mais comparação nem amante páreo.

Trífido Parecer

Posted: 8 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0


Digo que não há diferença alguma em como se sente uma mulher,
Pela certeza que não é uma vagina somente que determina o ser.
Do mesmo modo que nenhum ser sente sentido igual qualquer...

Trífida Glória

Posted: by Lux Alt in Marcadores: , ,
0

Um dia o abutre encheu seu estomago de humana decadência,
Ninguém sabia que a morte não era sua tarefa obrigatória,
Afinal, o final pertence à vida e não a mortal e simplória ciência.

Trífido Comodismno

Posted: 7 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0


A quantidade de egocentrismo se faz vontade,
Se for possível tolerar um pouco do que é fascismo,
Também é concebível absoluta ignorância acerca do que é liberdade.

Trífido DeMente

Posted: 6 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0

Não mais falsos esforços para publicar o que sente...
A realidade ainda caberá em sua carne e ossos.
Enquanto se derem perímetros para mente!

Trífido Profano

Posted: 5 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0


A prepotência é a maior marca do humano,
Que tem a idéia que é maior que o próprio ego,
Tão cego que só a ele cabe a idéia de ser insano.

Trífido Universo

Posted: 4 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0


Quando se prova um sentimento maior que todo o universo,
Todo o universo parece ínfimo diante do sentimento inverso,
E o contrário do páreo e complemento de tudo que é conexo.

Trífidos Desejos

Posted: 3 de mar de 2010 by Lux Alt in Marcadores: , ,
0


Estamos presos,
A idéia que a liberdade,
É um evento de ensejos além da realidade.